sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Ser social e ocupado

Refletindo a síndrome da não postagem por essas bandas. Síndrome esta que reflete a falta de tempo, falta de criatividade, falta de ânimo, auto-estima. O impulso das teclas é perdido pela passividade, cansaço, desmotivação. O quão danoso é deixar algo ao léu em pleno burburinho desconstrutivo?

Lá se vão hipóteses e mais hipóteses, até chegar em meu café, e dele extrair sua substância mais afrodisíaca para as madrugadas afora, a cafeína, que me destrói por não deixar rastros de sono, este último é meu principal inimigo nestas madrugadas de dias de semana cheias de afazeres a cumprir.

O ser social e, consequentemente, ocupado dá lugar às inúmeras brechas que tem ao dia, e faz seu trabalho social, de mobilização e intervenção na sociedade virtual. Quanto tempo custa desabafar? Quanto tempo nos custa conversar sobre A ou B no MSN? Quanto tempo custa olhar fotos alheias no orkut? Ou até mesmo baixar aquele filme pornô da pesada, que é lançamento nacional com aquela prostituta impecável e famosérrima por ser a ex-namorada de um jogador X de futebol?

Afinal, não aguento mais frase do teor: "- Não tenho tempo!". Ou, estou ocupado não tenho horário vago. Aquela frase de Sócrates, adaptada claro, "- Cago, logo tenho tempo!".

Vagos aqueles que não usurfruem o dia a partir de noções existencialistas e sim, futilmente, ociosas. Esse último comentário é embasado na nossa ontogenia na cama. Um dia, algumas horas na cama, perdidas ou ganhas?

6 comentários:

O tempo curto, e a baixa auto-estima, são frutos da mesma disciplina... será?
Vou ser cristão.

Esse texto foi um desabafo à mim mesmo, só consigo me regular quando coloco esses textos pra fora.

Agora é um desabado à nós todos! Me apropriei geral agora viu? Nem venha! Lascou-se!

Eh Thiago, A culpa foi de Jesus!

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk pod crer.
Mas olha só, no vestibular da UFCG falaram dos Leprechaus!! =)

Algumas horas de sinuca garanto que são muito produtivas...já citei por aqui algumas das vantagens...inclusive a sociabilização!!

Postar um comentário

Queremos muito saber sua opinião! Ao comentar, por favor, identifique-se.